Share

Comediante Elizardi Castro Retribui a Connecticut

Este post também está disponível em: Inglês, Espanhol

Por Maria Roman

Foto por: David Sepulveda

O comediante de stand-up Elizardi Castro fez um show com ingressos esgotados de “Law and Disorder” (Lei e Desordem, em português) em 10 de abril no Teatro Comunitário Bregamos em New Haven e dois shows lotados de “Solo” em 12 de abril no Sazon y Mambo em Bridgeport. As apresentações de Solo foram em colaboração com uma arrecadação de fundos para a Parada Porto-riquenha e o Festival do Condado de Fairfield, que serão realizados em 12 de julho, em Bridgeport. Eu assisti às animadas apresentações, cheia de gesticulação, com salsa e merengue, que fez as pessoas gargalharem.

Castro, um advogado de defesa criminal com uma escritório particular em Chicago, Illinois, também é um comediante que cativa um grande público latino. Ele, que nasceu em Porto Rico e cresceu em Nova York, é chamado de “New Yorican”, aquele que mistura sua tradição, cultura e a língua “espaninglês” para atingir seu público.

Conhecido por usar suas experiências de vida, “Law and Disorder”, de Castro, era o retrato cômico de um promotor que virou advogado de defesa e que virou comediante. A apresentação hilária teve o público aplaudindo e gritando em aprovação. Houve um momento sério no palco, no entanto, quando Joseph Rodriguez, Consultor/Articulador Legislativo para o prefeito Toni Harp, de New Haven, entregou um broche a Castro, em nome do prefeito, dando boas vindas por retornar a New Haven, uma cidade que reconheceu seu talento anos atrás.

Castro deu crédito a Rafael Ramos, o fundador e diretor do Bregamos por trazer seus shows para o Nordeste. “Acredito no conceito de teatro comunitário e Rafael é capaz de fornecer o mesmo entretenimento de qualidade a um preço acessível, além de mostrar a nossa cultura.”

IMG_4383

Durante sua performance de “Solo”, Castro fez a multidão rir da história de rompimentos amorosos, proporcionando alívio cômico para os temas da separação, depressão e parentalidade. Ele chamou Ruth Torres, uma mulher na plateia e dançou o merengue com ela. Ao expressar sua paixão por retribuir e explicar porque quis fazer os shows beneficentes, ele disse: “Desde que eu comecei, fiz parceria para levantar fundos. Sinto-me honrado por me pedirem para ser parte de seus esforços de captação de recursos.”

Elsa Vega, que participou de ambos os shows, disse: “A experiência no Bregamos foi incrível. Ver o apoio da nossa comunidade foi revigorante. Eu fiquei muito surpresa por um lugar tão maravilhoso como Bregamos não ter recebido mais reconhecimento por aproximar a comunidade espanhola”. Castro voltará a Bregamos em agosto, para apresentar “Natal em Agosto”.

O Teatro Comunitário Bregamos, uma organização sem fins lucrativos, recebe em média três produções por ano e abriga atividades culturais e artísticas locais. O Teatro Immigrant está atualmente montando uma produção sobre a sua história, que vai estrear no outono. Também em preparação está o segundo festival “Art from the Heart”, anual, que é uma vitrine de artistas que se juntam para fazer murais, grafites, artes e artesanato, música, dança e muito mais.

Para mais informações sobre Elizardi Castro, acesse www.elicastro.com. Informações sobre o Teatro Comunitário Bregamos podem ser encontradas em www.bregamostheater.org.

Leave a Comment