Share

Como Era a Vida em Hat City

Este post também está disponível em: Inglês, Espanhol

Por Renato Ghio

Traduzido por Frederico Alberti

A década de 1950 teve seus altos e baixos como qualquer década; mas, aqui em Danbury, ela foi ainda mais especial. Na verdade, o centro da nossa cidade foi completamente transformado para sempre na inundação de 1955. Muitos residentes antigos ainda falam sobre isso hoje.

Você pode ver como era a vida em Hat City durante a época das saias poodle, car hops e Jitterbug na exposição Focus on the Fifties, a mais nova mostra livre acontecendo, agora, no museu de Danbury e na Historical Society. Ela mostra as pessoas, lugares, eventos e objetos que marcaram a nossa cidade por uma década.

A exposição inclui cobiçados cartões clássicos de baseball, fotografias, moda, brinquedos para crianças e muito mais. Você sabia que em 1950 havia uma parte do terreno da Mountainville Road em que as pessoas esquiavam, que agora faz parte do Tarrywile Park? Havia corda de reboque, duas trilhas e holofotes para a prática de esqui noturno. Em 1953, Danbury hospedou o que, na época, foi considerado o maior desfile da história da cidade, o Hatter’s Day Parade. No entanto, em meados da década, apenas uma fábrica de chapéus ainda operava na cidade, a Danbury Rough Hat Co., na Delay Street.

Para complementar a exposição, o museu tem realizado eventos especiais inspirados nos anos 1950. Neste verão, o museu organizou uma série de dias para diversão em família, cada um focado em um passatempo popular da década, incluindo bambolês e movimentos de dança, dominó, e Silly Putty. Em 18 de setembro, haverá um evento especial em conjunto com a Danbury Lanes – um boliche “duckpin” e uma noite no cruzeiro. Os preços dos lanches e do boliche serão os mesmos preços de 1950. No sábado, dia 26 de setembro, você ainda poderá conferir a banda local The Red Hots executando músicas do período.

A exposição vai até o dia 31 de outubro. O Danbury Museum and Historical Society fica na 43 Main Street. Aberto de terça à sábado, de 10h às 16h. Para mais informações ligue para 203-743-5200.

Leave a Comment